segunda-feira, 30 de abril de 2012

Infalível Receita de Amor (Remédios do Dr. Ramos - IV)


Receita do Amor
(Remédios do Dr. Ramos - IV)


Sintomas: Observado que pessoas agentes deste santo remédio sentem uma crível vibração dentro do peito e de onde partem impulsos que o leva em direção do outro. É o coração se expandindo do meio ambiente interno para o externo. 
Ação por contágio, deixe-o disseminar à vontade.
Modo de uso e dissiminação: Basta retirar o invólucro que o reveste: rótulos, gêneros, personas, programas mentais vencidos... tudo. Deixe o coração - seu sol - irradiar a gosto. Comprovado que logo encontrará uma infinidade de hospedeiros.
Contra-indicação: Nenhuma, pois só faz bem para sua saúde física, mental, espiritual, social, profissional, e assim por diante. O Amor atua no Todo.
ImportanteNão existe receita do amor e há um só remédio: Amar, Amar e Amar.
Recomendação: Descarte genéricos, pois nada é igual ao Amor Maior.
Nota da OMST - A Organização Mundial da Saúde da Terra agradece a todos os usuários.
Fórmula: Sobre-humana, e o Laboratório também.
No verso da receita, escrito em vermelho, veio a seguinte anotação do Dr. Ramos: Achar que amar é sexo não está errado, pois todo dia o Amor acorda comendo um pedaço da Aurora, consubstanciando-a e, à noitinha, deixa-se tocar por todas as Estrelas do Céu. 

Jairo R. Toffanetto

Luiz Melodia - "Diz que fui por aí" e "Juventude Transviada"


Composição: Zé Keti / Hortêncio Rocha

Composição: Luiz Melodia


domingo, 29 de abril de 2012

Tarcila (O nOvO)



Tarcila do Amaral transmitia
sentimentos em forma de arte.
Uma reverência ao belo.

Nas telas de Tarcila, entendo as formas ovóides como a proposta atropofagista do nascimento de algo novo, a gênese.

O Mamoeiro

O Pescador

A Gare

Outras referências com Tarcila do Amaral:
e

Na Via Láctea


Nossa chegada por aqui é o ponto da volta, da partida. Nossos corações são pedacinhos de um só grande coração luminoso. (Veja mais em http://poemas-de-sol.blogspot.com/2012/01/somos-irmaozinhos-conversando-ao-pe-da.html)


Nossa galáxia é comumente referida como a Via Láctea. Em Portugal, chamada de Estrada de Santiago. É uma estrutura constituída por cerca de duzentos bilhões de estrelas (algumas estimativas colocam esse número no dobro, em torno de quatrocentos bilhões) e tem uma massa de cerca de um trilhão e 750 bilhões de massas solares. Sua idade está calculada entre 13 e 13,8 bilhões de anos, embora alguns autores afirmem estar na faixa de quatorze bilhões de anos.
 

sábado, 28 de abril de 2012

A Pedra Santa


Tarde de sol quente. No portão que dá pro quintal da Casa de Repouso, minha atenção foi desperta com flores  acenando para a rua. Observei bem, e como não havia mais ninguém na Rua Moreira Cézar, deduzi que era para mim. Fui até elas. Surpreendo-me com um velhinho estampando um sorriso de bondade.

Perguntou-me se a minha mulher estava bem. Possivelmente ele a observou indo para o Ambulatório da Faculdade de Medicina. "Dê estas flores para ela", disse-me ele esticando o braço para a calçada e, em seguida: "Olhe o branco no serrilhado da folha!". No serrilhado da folha...

Perguntou-me "Como isto é possível?". Respondi-lhe "Porque reflete do Criador". Através dele a Bondade sorria.

"Tem uma pedra santa na sua Casa?". Confirmei com a cabeça. "Peça para sua esposa colocar a flor na pedra santa." Agradeci-lhe a gentileza. "Nada não. Tudo o que a natureza dá é pela Graça Divina". Despedi-me dele juntando as mãos sobre a flor como em oração.

A Pedra Santa

A flor é sinônimo da perfeição, 
pertence da natureza da mulher.
Ela a recebe com as duas mãos.
Procura uma taça com água.
Leva-a para a frente do coração,
a morada do belo, do sensível,
da delicadeza, da pureza...
São formas, cores, olores e calor.
É a perfeição.
É Maria Regina

Jairo Ramos Toffanetto

sexta-feira, 27 de abril de 2012

Carlinhos, sempre Drummond de Andrade

"Fácil é julgar pessoas que estão sendo expostas pelas circusntrâncias Difícil é encontrar e refletir sobre seus erros, ou tentar fazer diferente algo que já fez muito errado. E é assim que perdemos pessoas especiais." Carlos Drummond de Andrade


Mischa Maisky plays Bach Cello Suite No.1 in G (full)




 Bach Cello Suite No.1
Vozes do Eterno. 
Linguagem do silêncio.
Cordas do coração.
Cello da lira divina no cielo da terra.
Sinto-o a tudo imantar.
Sou uma caixa de ressonância.
(J.R.Toffanetto)

As pessoas vão chegando, assentando-se, ouvindo esta suíte. Utilizava-a na criação de estado - o do silêncio interior - para a palestra /conferência que eu ministrava sobre contos de fadas, mitos e estórias infantis. Depois de três anos ausente desta delicada atividade, reecontro-a citada num texto de Rubem Alves aonde ele recria a estória "Barba Azul", transformando-a como uma das mais belas histórias de amor, e que está no livro "Cantos do Pássaro Encantado" - Verus Editora (1993). Como nada é por acaso...
 
 
Maisky nasceu em 1948 (Riga - Letônia)

http://www.musica.gulbenkian.pt/cgi-bin/wnp_db_dynamic_record.pl?dn=db_musica_bios_pt&sn=musica&orn=232

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Simonal com Sarah e Elis



Música de Johnny Mandel letra de Paul Francis Webster.  TV Tupi, 1970, programa Spotlight, comandado por Wilson Simonal. 



"Vem Balançar", de Walter Santos e Tereza Souza. Gravação no programa O Fino da Bossa, na Record, em 1966

quarta-feira, 25 de abril de 2012

Porque o azul do céu?

Remédios do Dr. Ramos III

Indicação: para estadoa autômatos. Modo de uso: largar os olhos no céu e se esquecer - é como seu veículo terrestre pode entrar na corrente celeste e pousar na Terra. Medicamento que pode ser tomado em qualquer hora e lugar, mesmo que você esteja dentro de um elevador. O sintoma após o uso será de benigna vibração que pode estender-se do centro de sua caixa toráxica para o resto do corpo e contagiar o ambiente externo. Reativa-se com a simples lembrança do estado. Tome-o à vontade. Para cegos e daltônicos, recomenda-se  meditar em harmonia cósmica, pois os efeitos são os mesmos. Após o uso, não se constranja ao se ver assobiando em público ou cantarolando uma velha canção. Contra indicação: não dar entrada para quem não tenha nenhuma canção na ponta da língua, e se este perguntar o que você está vendo no céu, cuidado porque tal indivíduo pode estar pronto para lhe injetar um antidoto contra a Poesia. Responda que você viu um balão.






(Reedição da postagem de 27/03/2011
http://poemas-de-sol.blogspot.com/2011/03/remedios-do-dr-ramos-iii.html)

Jairo Ramos Toffanetto

terça-feira, 24 de abril de 2012

O Conversar e O Escrever


...Com ou sem princípio ou fim, a impressão que se tem é que a crônica não precisaria ser escrita, assim como as pessoas conversar. Saber conversar é poder jogar conversa fora. Saber escrever é poder jogar crônica fora....

(Veja na íntegra o texto "Coração em Crônica" http://poemas-de-sol.blogspot.com.br/2011/10/coracao-em-cronica.html, publicado neste blogue em 30/10/2011)

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Severino Araújo e Orquestra Tabajara


Composed by Aldo Cabral and Benedito Lacerda.
Pic.: "Sambistas" - C. Portinari


Composição de K-Ximbinho


Composição de Matias da Rocha.
Ilustração de Heitor dos Prazeres


Para saber mais sobre a Orquestra Tabajara, vale conferir o site:

Severino Araújo é o que segura uma tãça de vinho (ao centro|)
Clique na foto para ver melhor

"O Mal da Raiva Rancorosa" (precauções/atitudes)

Remédios do Dr. Ramos -XII

Porque nos resignarmos contra ataques de gente portadora do Mal da Raiva Rancorosa? A delicada indiferença não é remédio mas funciona tão eficazmente qual, e é infinitamente mais potente que o Mal da Raiva Rancorosa. Tem pessoas que são como panelas de pressão com fogo no trazeiro, pois vivem cozinhando o estado de raiva, a irmã putrefata do ódio. A indiferença assim como o virar as costas são antídotos imunizantes. Delicada porque ela poderá, além de abaixar o fogo do ataque da Raiva Rancorosal contra você por alívio da pressão, também jogar água fria contra a tampa da panela. Observado que os desafeiçoados alimentadores deste mal, carregam suas panelas para por fogo no seu cozido em outro lugar. Uso em permanência, afinal, os que odeiam são de tipologia concentrada e nunca descansam ou abandonam a sua senda. Também recomendado o uso deste imunizante contra o rol de pestilências congêneres e de cozidos mau cheirosos, como o “Mal do Egoísmo Morbo", o "Mal da Vaidade Asquerosa" e assim por diante. Veja também a posologia contra o Mal do Egoísmo http://poemas-de-sol.blogspot.com.br/2011/06/posologia-contra-o-mal-do-egoismo.html.

No verso desta prescrição o Dr. Ramos ainda acrescentou a seguinte precuação: "temer os portadores deste mal significa colocar-se numa posição inferior e permitir a entrada de manchas escuras em sua aura."

Jairo R. Toffanetto

sábado, 21 de abril de 2012

Gary Moore e Albert Collins (videoclip) - Moore: "The Hurt Inside-Gary" e "You know may love"








 




Gibson Gary Moore Les Paul



Num quarto de hotel, em Estopena, Espanha, aonde passava férias, Moore teve uma parada cardíaca e foi encontrado morto (6 de fevereiro de 2011).

Serra do Japi = Terreno baldio da cidade


Alguém não gostou ver a Serra do Japi ser chamada de "Terreno Baldio". Eis um recorte do Link para aquela Postagem:


Vejam o texto e a minha resposta na íntegra:

Jairon Ramos Toffanetto

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Roupa Nova - "Lumiar" e "Sapato Velho"


Composição: Beto Guedes e Ronaldo Bastos

Composição: Mu, Claudio Nucci e Paulinho Tapajós



 

Afinal, o que é belo e o que é feio?

Todo mundo tem [um certo gusto... del bello e del brutto].
Dolce Arentino (1557)

Afinal, o que é o belo e o que é o feio? O sapo é belo para a "sapa".

O belo está para além dos olhos que vê para o cérebro. A razão cerebral não pensa, abre imagens comparativas. É preciso acender a luz.

Só o belo vê o belo, e o vê com a linguagem do sentir e não com o juízo (crítico) de gosto estético, afinal, o pensamento pode confundir-se com imagens. O belo sempre representará, necessariamente, um desafio para os nossos sentidos.


O belo não rejeita, compreende. Vê beleza no processo que leva ao desabrochar para além do tempo.

Sem amar (sentir), o belo não se apresenta diante dos nossos olhos. Quem vê compreende. Quem comprende ama.

Só o amor tem o poder de transformar sapo em príncipe.

Para nós, o Belo são estados onde se abre integração ao Todo.

Na linguagem do belo o feio não existe.

Feio é a vaidade, o preconceito, a arrogância, a prepotência, enfim, a monstruosidade egóica do homem desalmado. Egoismo é doença muito próxima da psicopatia.


Jairo Ramos Toffanetto

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Ernesto Nazareth - Arthur Moreira Lima - "Confidências" e "Espalhafatoso" + Vídeo com o Conjunto Época de Ouro: Brejeiro (Ernesto Nazareth)





Ernesto Nazareth (1863-1934). Suas composições, apesar de extremamente pianísticas, por muitas vezes retrataram o ambiente musical das serestas e choros, expressando através do instrumento a musicalidade típica do violão, da flauta, do cavaquinho, instrumental característico do choro, fazendo-o revelador da alma brasileira.

terça-feira, 17 de abril de 2012

Amor eterno enquanto dure?

Dizer que o amor é eterno enquanto dure é dizer da paixão, não do amor verdadeiro, para toda a vida. A felicidade está no aprendizado dele, dia após dia. É ele quem garante a felicidade.

Quem escolhe o "estar contente" nada sabe do amor porque teme a vida, vive reclamando da própria sorte e culpando no outro pelos seus maus estares. Nada sabe da felicidade e muito menos do amor.

Quando a vida te põe a cara no chão, o amor te levanta, aumenta o teu tamanho para subir um novo degrau evolutivo. Põe teus pés num patamar mais alto. 

Quem ama, pela Grandiosidade vai ao encontro do outro. 

Quem não ama sofre pela sua desarmonia a algo maior que si próprio, anda sofrivelmente sem os pés e com a cabeça fora do lugar, vive arrastando a vida com seu coração cada vez mais duro, e tudo o que encherga é através dos seus olhos de vidro.

Quem aprendeu Amar este Amor busca compartilhá-lo no meio em que vive, ampliando-o, portanto. Só o amor mais-que-perfeito nos religa à Grandiosidade, a maior força do universo.

O Amor Maior é a maior força do universo


Jairo Ramos Toffanetto

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Amizade supraterrestre

Nebulosa de emissão e reflexão na constelação Auriga,
também conhecida como Nebulosa da Estrela Flamejante.


Amigos verdadeiros se fazem um bem enorme, especialmente para o coração, e nem sabem bem como ou por que, pois é pura magia. Entendem-se sem mesmo dizerem coisa alguma, basta a presença. Quando se falam é apenas pelo prazer de ser e estar. Não há critica, não se ouve lições, e falam muito de idéias porque gostam de materializar sonhos. Quando se encontram, só há dificuldade na despedida, pois sempre acham um jeito de ficarem juntos por mais um pouquinho. Na verdade nunca se separam, pois estão ligados por integração cósmica. Ter amigos é estar em confraria estelar, é andar com um sentimento do eterno, é viver em estado de graça. Enfim, o brilho destas amizades é pertence do Criador.


Jairo Ramos Toffanetto

King Crimson - A Scarcity Of Miracles



A letra é de Jakko M. Jakszyk, o saxofonista do King Crimson de Robert Fripp, e dela transcrevo o verso que me chamou atenção: "Faith calls me to question who I am"
(A fé me chama a questionar quem eu sou)


Outra postagem com o King Crinson no início da carreira:

domingo, 15 de abril de 2012

Escolher o prazer prá já é...











Escolher o prazer prá já é...
...pular de um galho para outro sem nunca encontrar um sentido, um significado para a vida. Quem acredita que o "estar contente" é a felicidade, nada sabe do amor, nem da vida. 

Jairo Ramos Toffanetto


sábado, 14 de abril de 2012

Wagner Tiso - "Sete Tempos" e "Dueto Andante (para Gismonti)"

Wagner Tiso é uma das expressões máximas 
da música instrumental brasileira.

Robertinho Silva, Luiz Alves e Wagner Tiso são remanescentes do grupo "Som Imaginário" http://poemas-de-sol.blogspot.com.br/2011/09/som-imaginario-brasil1972-matanca-do.html


Você é o que diz ser?





Você é o que (se) diz ser?
Quando assim, as opiniões, as racionalizações, as verdades pessoais ficam de lado e o que a pessoa diz vem do sentir. Dizer o que sente é exercício de liberdade, e só ocorre quando se adquire existência real. Começa pela  sabedoria de princípios eternos, pela validade de conduta, a que fazer jus à liberdade de espírito. Pelo caminho da evolução, a liberdade abre asas sobre nós e com elas voamos para a Paz. É preciso ter coragem para alcançar a felicidade.

Jairo Ramos Toffanetto

Escolher o prazer pra já é... (2)








Se estar contente é ser feliz,
bem...
que felicidade e esta que se pulveriza na primeira diarréia? Fazer do "estar contente" um sinônimo de felicidade é viver pulando de um prazer para outro sem nunca encontrar um sentido, um significado para a vida.


Jairo Ramos Toffanetto

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Mutantes (Rockn'roll City - Esquizofrenia - Anjos do Sul)


A moçada de hoje já não sabe fazer rockn'roll.
Os Mutantes são um antídoto à pasmaceira de hoje.

(Contra capa)

Entre todos os meus discos de rock,
este dos Mutantes, gravado ao vivo, talvez seja o mais
ouvido por mim.

(Capa)


Este disco é posterior à fase com Liminha,
Arnado e Rita Lee. Da formação original
restou apenas o Serginho (guitarra e volcal).


quinta-feira, 12 de abril de 2012

Sonny Stitt (Back Door)


Edward "Sonny" Stitt (1924 - 1982), um dos mais influentes saxofonistas do jazz norte-americano


Sonny Stitt - Tenor Sax, Hampton Hawes - Piano,
Reggie Johnson - Bass, Lenny McBrowne - Drums


quarta-feira, 11 de abril de 2012

Francisco REBOLO em sete belas telas



Francisco Rebolo (1902-1980) nasceu em São Paulo. Paisagista por excelência, pintou os arrebaldes, os limites da cidade, os subúrbios de casas simples, e com  a simplicidade de quem não partilha de referenciais teóricos rígidos.
Viveu intensamente duas trajetórias. Primeiramente, foi jogador de futebol, de 1917 a 1932. Atuou no Corinthians F.C. de 1921 1927 e no C.A.Ypiranga, ambos clubes da cidade de São Paulo. A partir de 1934, tornou-se pintor.

Paisagem com casas

Paisagem com cavalos

Paisagem do Morumbi

Cena rural
PAISAGEM COM PORTEIRA, 1980
Óleo s/ tela, 64 x 85 cm
ass. c.i.d.
Col. particular


Rua do Carmo

terça-feira, 10 de abril de 2012

Quando se quer o Belo...



O segredo é não cuidar das borboletas e sim
cuidar do jardim para que elas venham até você. (Mário Quintana)


Para atrair borboletas cuidando do jardim é preciso, por primeiro, ter um, o seu. As borboletas chegam na florescência.

Com um jardim bonito destes, você quer o mundo todo florido para atraí-las mais e mais, mas percebe que muitos nem sequer tem um jardim.

Pedem-lhe uma flor e você fala das borboletas. Ninguém entende. Uma flor num solitário não atrai borboletas.

Você se oferece para ajudá-la em seu canteiro tomado por abrolhos, mas ela só quer a flor. Uma flor só para ela.

Se você quer mesmo o mundo como um jardim, o Jardineiro aparece para te ajudar no florescimento da flor quintessencial, aquela que atrai seres luminosos para o planeta.

Não adianta só querer o belo, pois como disse Rubem Alves, ele  sempre está se despedindo da gente. É preciso ser o Belo. Quando se quer ser o Belo, o Jardineiro aparece.


Jairo Ramos Toffanetto

O Bob e a Meg



segunda-feira, 9 de abril de 2012

De Baden Powell a Orlando Silva: Rosa (Pixinguinha)



Quem canta é Orlando Silva.

Pixinguinha

Rolandro Boldrim - poema de Cleide Canton (Sinto Vergonha de Mim)


Texto de Cleide Canton e Rui Barbsa por Rolando Boldrim.

Somente o verso do final do texto de Cleide Cantom pertence a Rui Barbosa.
(” De tanto ver triunfar as nulidades,
de tanto ver prosperar a desonra,
de tanto ver crescer a injustiça,
de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus,
o homem chega a desanimar da virtude,
a rir-se da honra,
a ter vergonha de ser honesto “. )

Não foi uma previsão. Em 1893 ele veio para Sâo Paulo e foi lider intelectual em defesa do povo que sofria com opressões. Vendo que ele era repudiado, tomou a iniciativa de se exiliar na Argentina, depois pediu axílio em Portugal e, negado, ele foi morar em Londres. O escritor francês Emílio Zolá escreve "J'acuse" (Eu acuso) e Rui Barbosa escreve um artigo (uma carta) e a publica na Argentina. Mais tarde sai o segundo livro de Zolá e de Rui Barbosa. Adm5653em resposta a williancmulati 1 mês atrás.

Não parafraseio nem o Rui, nem a Cleide pela tristeza de suas palavras cheias de verdade, e que falam para toda a humanidade por todo canto do planeta, pois tenho motivos de sobra para ser alegre, feliz e agradecido por já viver num MUNDO BEM MELHOR. Digo, isto sim, que TENHO ORGULHO DE MIM por viver neste mundão velho e sem porteira e feito a escolha de ser o que sou, e não apenas por ser uma pessoa de bem, sem pacto algum com a porcaria que aí está e, em vez de reclamar deste o panorama de fim de mundo, estar aqui para trabalhar por um Mundo Bem Melhor, por todo o universo, e sobretudo por não ser o único. (Jairo Ramos Toffanetto)

Uma casa no céu


Se você tem asas e aprendeste voar,
constuirás uma casa no céu,
uma casa cheia de canto da terra,
e para todo o cosmo.

                              Jairo Ramos Toffanetto

domingo, 8 de abril de 2012

O Terço - Amanhecer Total pt. 3, 4 e 5







Ouça também:
"Amanhecer Total" pt. 1 e 2:
http://poemas-de-sol.blogspot.com/2011/11/o-terco-amanhece-total-parte-1-cores.html
"Flor de la noche":
http://poemas-de-sol.blogspot.com.br/2011/10/o-terco-flor-de-la-noche.html
"Blues do Adeus":
http://poemas-de-sol.blogspot.com/2011/11/o-terco-blues-do-adeus-o-blues.html


Domingo de Páscoa - Manhâ de sol e lua

Manhã pascal

Lua ao oeste  Vista do meu terraço - Domingo de Páscoa - 7:00 h

O que me chamou atenção para esta foto em especial é que a Lua estava na mesma altura do sol a leste, e o Sol a dois dedos mais à esquerda da foto tirada para minha postagem de ontem, sábado, 7 de abril de 2012: Horizonte Leste - Bons Ares (ver http://poemas-de-sol.blogspot.com.br/2012/04/horizonte-leste-bons-ares.html)



O Sol sobre o meu costado ao tirar a foto "Lua a oeste..."
Obs.:  Significado de pascal é "nascido na Páscoa"
Ver também a postagem "Significados da Páscoa Cristã"  http://poemas-de-sol.blogspot.com.br/2012/04/o-que-significa-pascoa-crista.html

Freddie King, T-Bone Walker, John Williams, Sonny Boy Williamson


A noite é blue





 
Freddie King tocava com uma palheta plástica de polegar e uma palheta de metal para o indicador. Ele atribuiu a  Eddie Taylor os ensinamentos sobre o uso das palhetas. A maneira de King usar a alça da guitarra no ombro direito, sendo dextro, era única para sua época. Freddie King era um dos artistas principais da cena do chamado Chicago blues dos anos 50 e 60, que era o local e época pricipal no desenvolvimento do blues elétrico.


London. Nov 30th,1966. Jazz at Philharmonic are: Dizzy Gillespie, Teddy Wilson, Louis Bellson, Clark Terry, Coleman Hawkins, Zoot Sims, Jimmy Moody, Benny Carter and Bob Cranshaw.
T-Bone Walker (1910-1975) tido como o primeiro músico de blues a usar uma guitarra acústica amplificada. Seu som característico não surgiu até 1942, quando Walker gravou "Mean Old World" pela Capito Recording. Seus solos de guitarra elétrica estão entre os primeiros a serem ouvidos nas gravações do blues moderno.


 Sonny Boy Williamson (1914-1948). Foi bastante popular no sudeste dos Estados Unidos e se tornou um sinônimo da harmônica no blues nas décadas seguintes, fazendo de seu apelido um nome artístico usado comumente na época de seu assassinato em 1948.

sábado, 7 de abril de 2012

Horizonte Leste - Bons Ares

- Se pudesse, também fotografaria os bons ares,
a doce brisa daquele momento mágico
e o meu sentimento de gratidão, Pai nosso.


Vista do meu terraço a horizonte leste. Sexta-Feria Santa por volta das 19:00 h


John Mayalls Bluesbreakers - Live At Iowa State University (1987) Full DVD


John Mayall OBE (Macclesfield, 29 de novembro de 1933 é um cantor, compositor e multi-instrumentalista inglês que toca blues. A sua carreira musical dura mais de cinquenta anos, mas o mais notável episódio desta ocorreu no final da década de 1960. Ele foi o fundador da banda John Mayall & the Bluesbreakers e influenciou muitos instrumentalistas, incluindo Eric Clapton, Jack Bruce, Peter Green, John McVie, Mick Fleetwood, Mick Taylor, Don "Sugarcane" Harris, Harvey Mandel, Larry Taylor, Aynsley Dunbar, Hughie Flint, Jon Hiseman, Dick Heckstall-Smith, Andy Fraser, Johnny Almond, Jon Mark, Walter Trout, Coco Montoya, e Buddy Whittington.

sexta-feira, 6 de abril de 2012

Chopin - Valentina Igoshina - Fantasie Impromptu


Valentina Igoshina é uma pianista clássica russa,
nascida no dia 4 de novembro de 1978,
em Bryansk, Oblast de Bryansk, Rússia



Fantaisie-Impromptu,
composta em 1834,
é uma das peças
mais conhecidas de
Frédéric Chopin.

quinta-feira, 5 de abril de 2012

O que significa a Páscoa cristã?

Páscoa significa "passagem",
nossa passagem de Cristo, da morte para a vida.

Para que a eternidade fosse sentida... para que se soubesse que não somos apenas matéria... para que ficássemos marcados pela Grandiosidade... para que a escravidão compreendida como morte ' passasse' para a vida... para que deixássemos nossas verdades pessoais destituídas de princípios eternos... para que ficassemos calcados no eu que somos muito maiores do que imaginamos que somos... para que tivéssemos um caminho seguro para a volta à Casa do Pai... é que Jesus, o Cristo, por estas razões, e por um número sem fim destas, abriu para a humanidade, e por Bondade, o horizonte da infinitude.

Se Cristo está em ti, você é Cristo.

Somos seres em evolução.

Jairo Ramos Toffanetto

Fernando Pessoa - "Ser feliz é...


"A única atitude intelectual digna de uma criatura superior é a de uma calma e fria compaixão por tudo quanto não é ele próprio. Não que essa atitude tenha o mínimo cunho de justa e verdadeira; mas é tão invejável que é preciso tê-la.





"Tudo o que dorme é criança de novo. Talvez porque no sono não se possa fazer mal, e se não dá conta da vida, o maior criminoso, o mais fechado egoísta é sagrado, por uma magia natural, enquanto dorme. Entre matar quem dorme e matar uma criança não conheço diferença que se sinta."


"Ser feliz é encontrar força no perdão, esperanças nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros. É agradecer a Deus a cada minuto pelo milagre da vida."




"Precisar de dominar os outros é precisar dos outros."

quarta-feira, 4 de abril de 2012

Rudy - Supertramp

ALTO ASTRAL


A energia desta faixa (Rudy) do disco CRIME OF THE CENTURY foi a que mais rodou no meu pick-up e, tanto tempo depois, ainda vibra igual.

terça-feira, 3 de abril de 2012

TOM JOBIM e CHICO BUARQUE - Sabiá (1968 e 1986)


Antonio Carlos Jobim e Chico Buarque de Hollanda apresentam "Sabiá", parceria dos consagrados compositores brasileiros em dois momentos distintos:
-Em 1968, no FIC (Festival Internacional da Canção), quando a música é anunciada como vencedora daquele certame. Cantam "Sabiá" no vídeo histórico do FIC, as irmãs Cynara e Cybele, do Quarteto em Cy (1ª parte do vídeo).
-Em 1986, no programa "Chico & Caetano", com a participação de Caetano Veloso, Quarteto em Cy e Danilo Caymmi.



Nossos olhos não são apenas janelas



                                       Imagem extraída da internet


É preciso abrir a vidraça para trocar o ar da sua casinha interior. Saia pela porta da frente. Deixe a alegra de viver abrir asas para o céu aberto. Ao sentí-lo, nunca se sentirá cansado o bastante para pousar ou se deixar apanhar pelo passarinheiro.

É preciso coragem para deixar a finitude e trabalhar para ter existência real. O mundo lá fora será tão livre e bonito quanto mundo que pode haver dentro de você.

O universo está em permanente contrução. Da janela nada se constrói.  


                                                 Jairo Ramos Toffanetto

segunda-feira, 2 de abril de 2012

Da inspiração poética



Ante a inspiração o poeta fica à espera,
vazio de palavra e sentido.

Bico de pena em papel almaço,
poemas vivos do vindouro

                                         Jairo Ramos Toffanetto


Waldir Azevedo e Ademilde Fonseca


Ademilde Fonseca (91 anos), faleceu no dia 27 de março do mes passado. Ela cantava na velocidade dos instrumentos solo no choro, algo impressionante e poucas vezes imitado dado ao grau de dificuldade.


Waldir Azevedo (1923-1980)
Musico e compositor brasileiro, mestre do cavaquinho e autor do choro "Brasileirinho" que ganhou o mundo. Foi ele quem retirou o cavaquinho de seu papel de mero acompanhante no choro e o colocou em destaque como instrumento de solo, explorando de forma inédita as potencialidades do instrumento.

Ademilde Fonseca
(1921 - 2012)
Cantora brasileira cujas interpretações a consagraram como a maior intérprete do choro cantado, sendo considerada a "Rainha do choro". Trabalhou por mais de dez anos na TV Tupi, e seus discos ultrapassaram meio milhão de cópias. Além de fazer sucesso em terras nacionais, regravou grandes sucessos internacionais e se apresentou em outros países. Ela cantava na velocidade dos instrumentos solos no choro.