sexta-feira, 29 de novembro de 2013

No Blues By Wes Montgomery Quartet.

Really cool ♪♪
 
 
Wes Montgomery(guitar)
Wynton Kelly(piano)
Paul Chambers(bass)
Jimmy Cobb (drums)

Haicai #43.(JRToffanetto)


Haicai #43.

Da Poesia Luz,

versos para cada um

rimar com a vida

 

JRToffanetto


Keith Jarrett Standards Trio


Keith Jarrett (piano),
Gary Peacock (contrabaixo)
Jack Dejohnette (bateria)

https://www.youtube.com/watch?v=lBnwDTAoAC8#t=184 


quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Rita Lee & Tutti Frutti - Ando Jururu / Cartão Postal / Mam:ae Natureza




 
  Rita Lee pós Mutantes
 
 

MUTANTES - Cidadão da Terra / Eu só penso em te ajudar / Deixe entrar um pouco dágua no quintal



Rita Lee, Arnaldo e Serginho
 
 
Mutantes pós Rita Lee
 

Francisco Mignone - Valsa de esquina #1 e #2

Composições de Francisco Mignone
Interpretação de Maria Josephina Mignone

 
 
Há uma tese de dourado na USP-Universidade de São Paul que, em contribuição para o estudo e a divulgação da música brasileira, segue desde a contextualização da época em que estas doze peças foram compostas e o porque delas, mas na internet só aparece os dados introdutórios do trabalho. Enfim, se o conteúdo até hoje não pôde ser revelado, talvez por espera de apresentação universitária, a USP deveria prosseguir até o seu fechamento e logo revelado PUBLICAMENTE os conteúdos na Biblioteca Digital USP, afinal, a representatividade disto é vital para se entender a alma brasileira. Pra muitos, isto é tão urgente quanto a construção de mais uma linha do metrô.
 
Enquanto isto não ocorre, fico feliz em compartilhar algumas destas valsas, pois só recentemente que elas vem aparecendo no YouTube. Quanto a mim, tenho-as registradas em vinil com Arthur Moreira Lima.
 
Francisco Mignone (São Paulo/1897 - Rio de Janeiro/1986): pianista, regente e compositor erudito brasileiro. Iniciou sua carreira na música popular, sob o pseudônimo de Chico Bororó. Era conhecido por tocar nas rodas de choro em bairros como o Brás, Bexiga e Barra Funda.

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Chiquinha Gonzaga - Lua Branca (Reedição / post de 27.11.2011)

Depois de olhos cheios de explosões solares, a beleza do dia em crepúsculo, o entardecer até a lua branca branquinha na boca da noite. A alma brasileira, a doce melancolia expressa por artistas do belo como Chiquinha Gonzaga em a "Lua Branca" na passagem do século XIX para o XX.

Uma mulher que se adiantou ao seu tempo
Biografia: http://www.essaseoutras.xpg.com.br/biografia-chiquinha-gonzaga-compositora-maestrina-e-pianista-brasileira/

Performed by Marcus Viana and Maria Teresa Madeira.

Chiquinha Gonzaga (Rio de Janeiro, 1847- 1935) foi uma compositora, pianista e regente brasileira. A primeira chorona, a primeira pianista de choro, autora da primeira marcha carnavalesca (Ô Abre Alas, 1899) e também a primeira mulher a reger uma orquestra no Brasil.

Haicai #42. (JRT)


Violeta da Regina


Haicai #42.

 

Poetas

crestados de amor enlevo

soluçam poesia

 
 

JRToffanetto

 

LVIII Expo Imagens - No Jd. Bonfiglioli (da janela - 1)

FotosJRToffanetto
No Jd.Bonfliglioli - Jundiaí/SP
CLIQUE NA IMAGEM P/ AMPLIAR

  

 
 

Peter Tandlund Fotografy

Clique na imagem para ampliar

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 












 
 

 

terça-feira, 26 de novembro de 2013

Oh guarda-chuvas negros e coloridas sombrinhas


Imagem do meu terraço, instantes atrás.

Oh guarda-chuvas negros e coloridas sombrinhas

Românticos dias de chuva. Nesta manhã semi nublada, o céu ameaça um lindo dia azul. Oh nuvens cinzentas... Oh lindo dia úmido. Oh guarda-chuvas negros e coloridas sombrinhas. Oh garoa sobre a cidade crua de face nua. Oh horizonte nublado, venha o sol no fim da rua.


JRToffanetto

Oscar Peterson - "Tenderly" e "C Jam Blues"


Walter Gross (1909-1967) compos a canção popular "Tenderly". Além de compor dezenas de outros títulos, ele também era um pianista, arranjador, regente de orquestra, e executivo da indústria fonográfica.

  Composição de Barney Biffard/Duke Ellington. 
 
Oscar Peterson (1925-2007)

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

OSCAR PETERSON - Reunion Blues.


Publicado em 04/09/2012 (YouTube):
1964, London, Oscar Peterson (p) - Trio, Ray Brown (b) Ed Thipgen (d): Reunion Blues / Dein Ist Mein Ganzes Herz / Nightingale / Hallelujah Time /

Haicai #38 (JRT)

Haicai #38.

 

Poesia, lírica

das cordas do coração

em afinação cósmica

 

JRToffanetto


MAGRELINHA - ZEZÉ MOTTA

Composição de Luiz Melodia
Eclats Noirs du Samba é uma série produzida pela televisão francesa que destaca a importância da influência da cultura negra na música brasileira. Produzido no Brasil em 1987 pela TF1 em associação com o "Centre Nacional De La Cinematographie Et Du Ministere Das Affaires Etrangeres", Eclets Noirs du Samba é apresentado por Grande Othelo com a participação de grandes nomes da MPB e dirigido pelo consagrado diretor francês Hubert Niogret.

 Atriz e cantora, Zezé Motta tornou-se um dos mais importantes ícones da cultura negra no Brasil, ao interpretar no cinema Chica da Silva, de Cacá Diegues (1976) e inúmeros papéis na televisão. Como cantora gravou clássicos de Gilberto Gil, Chico Buarque, Luiz Melodia e outros grandes compositores brasileiros. Sensual, alegre e irreverente Zezé Motta é uma diva nos palcos e uma das mais importantes Intérpretes de sua geração.
 

Ernesto Nazareth - FAMOSO - (tango brasileiro) por Arthur Moreira Lima


 
 
 

domingo, 24 de novembro de 2013

Olodum - Salvador, Bahia


 
O Olodum é um bloco-afro do carnaval da cidade de Salvador na Bahia. Fundado em 1979 durante o período carnavalesco como opção de lazer aos moradores do Maciel-Pelourinho, garantindo-lhes assim, o direito de brincarem o carnaval em um bloco e de forma organizada. É uma Organização não Governamental (ONG) do movimento negro brasileiro.

Desenvolve ações de combate à discriminação social, estimula a auto-estima e o orgulho dos afro-brasileiros, defende e luta para assegurar os direitos civis e humanos das pessoas marginalizadas, na Bahia e no Brasil.(Wikipédia)
 
 

Arthur Moreira Lima - BATUQUE - Ernesto Nazareth - Aniversário de 150 anos

"Batuque" é um tango brasileiro.
Ernesto Nazareth (1863-1934) nasceu, viveu e morreu
na cidade do Rio de Janeiro.

 
Em Nazareth, "logo se evidenciou uma das características mais fortes da sua criação musical, que consistia exatamente em mesclar as danças de origem européia com elementos e motivos melódicos e rítmosd captados da música nativa brasileira - o "lundu", o "batuque. Por essa forma, Ernesto Nazaré se torna pioneiro no processo de nacionalização da música brasileira de salão. As matrizes européias eram, por assim dizer, filtradas através do seu temperamento de músico, de tal forma que a valsa austríaca, a polca boêmia, a mazurca poloneza ou o tango espanhol se transfiguram em suas mãos, adquirindo um inconfundível caráter brasileiro.
 
 
A posição de Ernesto Nazaré na história da música brasileira é da maior importância porque ele foi o fixador, na pauta musical, de fórmulas melódicas, de esquemas harmônicos e de células rítmicas que se tornaram representativas da musicalidade nacional. (Mozart de Araujo)".
 
Obs.: Nazaré no texto e grafia de Mário de Andrade.

Batuque - Joel Nascimento, Radamés Gnattali & Camerata Carioca

Vivaldi, Gnatalli e Pisindim
Camerata Carioca
 

Gustav Mahler - Symphony No.9

Conductor: Leonard Bernstein & Concertgebouw Orchestra
 
A Sinfonia N º 9 de Gustav Mahler foi escrita entre 1908 e 1909, e foi a última sinfonia que ele completou.
 
 

LVII Expo Imagens - Poética Urbana (p.JRToffanetto)

Clique na imagem p/ ampliar
FotosJRToffanetto